MERCADO

BCE afirma: “Ausência de moeda digital oficial é um risco de perda de controle financeiro”

Tempo de leitura: 1 minuto

Os países que decidirem não introduzir versões digitais de suas moedas, poderão enfrentar ameaças a seus sistemas financeiros e autonomia monetária, alertou o Banco Central Europeu (BCE).
“Consumidores e empresas de países que não tem sua própria moeda digital, podem acabar dependendo de um pequeno numero dominante de provedores de serviços de pagamentos, incluindo gigantes estrangeiros de tecnologia”, disse o BCE em relatório publicado nesta quarta-feira (02).
“Isso pode afetar a capacidade dos Bancos Centrais em cumprirem seus mandatos e agirem como credores de última instância”, disse o BCE.
“A emissão de uma moeda digital pelos Bancos Centrais ajudariam a manter a autonomia dos sistemas de pagamentos domésticos e o uso internacional de uma moeda no mundo digital”, afirma o relatório.
Os Bancos Centrais de todo o mundo estão experimentando a ideia da versão digital de suas moedas a fim de acompanhar os avanços tecnológicos que estimularam o surgimento do Bitcoin e outras iniciativas privadas.
O Banco Central Europeu (BCE) é uma das várias instituições que lideram essa frente, embora ainda não tenha decidido oficialmente se irá avançar com experiências praticas em um “Euro Digital”.

COMPARTILHAR
Notícias relacionadas
Cotação Arcblock
Valor do Arcblock recua mais de 9% nas últimas 24 horas
CoinBene lança dois novos tokens: DOCK e XMED Chain
Se Bitcoin é veneno para ratos, bancos são os ratos, diz investidor