SEGURANÇA E TECNOLOGIA

Mais de 50% das empresas já sofreram ataques relacionados à criptomoedas

Ataques criptomoedas Reino Unido
Tempo de leitura: 1 minuto

Um levantamento encomendado pela empresa de software Citrix indica que cerca de 59% das empresas do Reino Unido foram afetadas por ataques de mineração de criptomoedas em algum momento.

Segundo a pesquisa, que foi realizada pela One Poll, metade dos casos ocorreram em julho. Foram consultados 750 executivos de TI de empresas do Reino Unido com mais de 250 funcionários, que contaram sobre suas experiências com cripto ataques.

A prática de usar computadores de terceiros sem autorização para minerar criptomoedas chama-se Cryptojacking. Isso provoca um aumento no consumo de energia elétrica e prejudica o desempenho dos dispositivos invadidos.

O levantamento da Citrix mostra que 59% dos entrevistados foram atingidos por algum malware que realiza esse tipo de operação. Pelo menos 80% dos casos ocorreram nos últimos seis meses.

Conheça a CoinBene

Das empresas que participaram da pesquisa, 60% tiveram até 50% dos dispositivos atingidos, enquanto 11% afirmam que 100% dos dispositivos foram alvo de Cryptojacking.

Após a descoberta dos ataques, 67% das empresa têm políticas internas para lidar com essas invasões.

Segundo a McAfee Labs, o total de ataques do tipo cresceram 629% no primeiro trimestre de 2018.

COMPARTILHAR
Notícias relacionadas
Negociações de EOS são normalizadas após atualização em carteira
contas hackeadas
Estudo: invasões em operações de criptomoedas aumenta 300%
Facebook vai lançar criptomoeda, diz publicação americana