MERCADO

EUA e Rússia estudam propostas para regulamentar criptomoedas

EUA e Rússia estudam regulamentar criptomoedas
Tempo de leitura: 1 minuto

Todos vêm acompanhando as possibilidades que as criptomoedas podem oferecer ao mundo. Inclusive algumas das maiores economias do mundo, tanto que EUA e Rússia estão analisando propostas para regulamentar os ativos digitais.

Nas duas últimas semanas o Congresso americano discutiu o tema durante as sessões. Para Tom Emmer, representante da comissão Blockchain Caucus, disse que os EUA devem se preparar para permitir inovações e crescimento do setor privado.

O congressista afirma que está trabalhando em projetos de lei para a Câmara que vão ajudar a criar uma normatização consistente que viabilizará o crescimento das empresas de blockchain e criptoativos nos EUA.

Um dos projetos apoia o desenvolvimento do setor, que é emergente no país. O segundo garante que entidades, como mineradores de criptoativos, não assumam o controle de fundos de consumo e não precisem se registrar como transmissores de dinheiro.

Conheça a CoinBene

Já o último trata-se de uma medida que protege os atores do mercado contra multas e garante que os envolvidos com o setor não precisem declarar moedas digitais à Receita antes da agência elaborar suas diretrizes para isso.

Do outro lado do mundo

Enquanto isso, bancos e outras instituições financeiras na Rússia afirmam estarem prontas para desenvolver o futuro dos mercados financeiros.

Grandes bancos se reuniram em Moscou para tratar do tema e abordar os campos do mercado financeiro que passam por rápidas transformações.

Eles observam os regulamentos criados por Japão, Luxemburgo e Singapura para o setor de criptografia. Segundo as instituições financeiras, a falta de regulamentações adequadas está impedindo que elas possam fornecer esses serviços.

Três projetos chegaram a ser enviados ao Parlamento russo, mas as decisões foram adiadas. Segundo especialistas, pode ser que a instituição defina esse posicionamento em ainda em outubro.

COMPARTILHAR
Notícias relacionadas
CVM divulga em maio parecer sobre investimentos em criptomoedas
Número de usuários de criptomoedas dobra em 2018, diz estudo
Número de usuários de criptomoedas dobra em 2018, diz estudo
CoinBene lança dois novos tokens: DOCK e XMED Chain