MERCADO

Ex-NYSE no comando de SPAC para abertura de capital de corretora de criptomoedas.

Tempo de leitura: 2 minutos

De acordo com anúncio na data de hoje feito pela B1, a Bullish, uma corretora de criptomoedas que ainda será lançada com apoio dos bilionários Peter Thiel, Alan Howard e Mike Novogratz, já tem planos para ir a público na NYSE por meio de uma fusão de US$ 9 bilhões com a empresa de aquisição de propósito especial (SPAC) Far Peak Acquisition Corporation. Outros financiadores incluem o Founders Fund, Louis Bacon, Richard Li, Christian Angermayer e o banco de investimento global Nomura.

 

A Far Peak é comandada pelo ex-presidente da Bolsa de Valores de Nova York, Thomas W. Farley, que se tornará o CEO da Bullish após a fusão. Brendan Blumer, CEO da Block.one, se tornará presidente da Bullish após o fechamento do negócio. A nova empresa está projetada para ter um valor patrimonial de US$ 9 bilhões e US$ 10 por ação, sujeito a alterações dependendo da cotação das criptomoedas no momento do fechamento.

 

Conheça a CoinBene

A Bullish foi lançada com grande entusiasmo e curiosidade em maio deste ano, quando deu seus primeiros sinais de existência com US$ 10 bilhões em dinheiro e ativos digitais da Block.one, entre outros investidores. A empresa ainda não tem um produto funcionando. Considerando cada vez mais o amadurecimento do universo das criptomoedas e ativos digitais, espera-se que a iniciativa entre em um momento de mercado muito mais concorrido.

 

Thomas W. Farley está animado com a oportunidade. Em um comunicado à imprensa, ele disse que “a alta deste mercado representa um futuro promissor para os serviços financeiros … Com o aumento do interesse institucional e traders sofisticados, é fundamental iterar junto às infraestruturas de corretoras existentes que vemos hoje.”

 

Focada no desenvolvimento de produtos e serviços para o setor de ativos digitais, a Bullish buscará impacto na bolsa tradicional para beneficio dos detentores de ativos digitais por meio de alta liquidez, automatização de mercados, segurança e conformidades.

 

Fontes: Block One / Forbes

COMPARTILHAR
Notícias relacionadas
Argentina terá 1,5 mil caixas de criptomoedas até o fim de 2019
Cotação em baixa não afeta previsões sobre o EOS
Famosos: Gisele Bündchen e Tom Brady assumem participação acionária em corretora de criptomoedas